Radares podem funcionar ainda neste mês

Ao todo 16 pontos receberão os novos equipamentos

A Secretaria de Segurança, Trânsito e Defesa Civil informa que os equipamentos de controle de velocidade devem entrar em funcionamento entre o final de janeiro e primeira quinzena de fevereiro. Ao todo, 16 pontos receberão os novos equipamentos.

Os equipamentos estão sendo instalados em pontos como Avenida Santa Bárbara, Avenida Alfredo Contato e Avenida Prefeito Isaías Hermínio Romano, com limites de 50 e 70 Km/h. A pasta ainda não divulgou os locais exatos, mas podem receber as avenidas Bandeirantes, São Paulo, Mogi Guaçu e Antônio Pedroso com limites de velocidade de 50 km/h. 

Desde o ano passado os equipamentos só chegaram a fase de testes. O edital para contratação de empresa para o serviço foi aberto em dezembro de 2018. Ele previa que medidores de velocidade fossem utilizados, também, para monitoramento por vídeo, além de serem ligados a um banco de dados com informações da placa do automóvel. 

A instalação de equipamentos que disciplinam o trânsito e a redução de velocidade resulta na queda do número de acidentes no município. De acordo com o secretário Rômulo Gobbi, a Secretaria de Segurança, Trânsito e Defesa Civil vem elaborando um levantamento de acidentes e imprudências nesses locais.

A nova empresa que administra os equipamentos é a Perkons. Em outubro, foi realizado um teste teórico em um dos equipamentos na Avenida Santa Bárbara. Os equipamentos também passarão por aferição do IPEM (Instituto de Pesos e Medidas do Estado).

“A expectativa é que eles operem o quanto antes. Lembrando que os radares são um dos componentes de redução de acidentes. A Prefeitura vem investindo na instalação de semáforos, lombadas, defensas metálicas, além do sistema binário de vias”, destaca o secretário. O investimento anual dos equipamentos é de R$1,8 mi.