RMC já recebeu quase R$ 700 mi em obras do ‘Novas Vicinais’

A RMC (Região Metropolitana de Campinas) já recebeu quase R$ 700 milhões em investimentos do governo estadual para obras de mobilidade através do programa “Novas Estradas Vicinais”, que prevê obras para recuperação da pista, pavimentação de estradas em terra e melhorias em sinalização e sistema de drenagem, além de recapeamento e construção de viadutos. O balanço foi apresentado, ontem, pelo chefe de Gabinete do DER (Departamento de Estradas de Rodagem), Hugo Koga, que representou o superintendente do órgão, Edson Karam, na reunião do Conselho de Desenvolvimento da RMC realizada no espaço Mescla, da PUC (Pontifícia Universidade Católica) de Campinas.

 

Na soma entre os 20 municípios que compõem a Região Metropolitana de Campinas, o valor chega a R$ 688,7 milhões entre obras que já foram concluídas, estão em andamento (a grande maioria) ou em processo de licitação. Algumas são de grande porte, como a recuperação da Estrada Ivo Macris, em Americana - que recebe investimentos na ordem de R$ 15,4 milhões -, a duplicação da SPA 110/330, que liga Sumaré e Paulínia (investimento de R$ 21 milhões); e a construção de um viaduto entre Hortolândia e Sumaré, que recebe mais de R$ 41 milhões em investimentos do governo estadual.

 

A reunião na PUC-Campinas foi comandada pelo prefeito de Jaguariúna e presidente do Conselho de Desenvolvimento da RMC, Gustavo Reis, e pelo diretor-executivo da Agemcamp (Agência Metropolitana de Campinas), Benjamim Bill Vieira de Souza. De Santa Bárbara d´Oeste participou do evento o vice-prefeito Felipe Sanches. Todos foram recepcionados pelo reitor da PUC, Germano Rigacci Júnior.


DER informa que o município de Santa Bárbara d´Oeste está contemplado no programa Estrada Asfalta.


"O Governo de SP investe R$ 17 milhões na recuperação e conservação especial da SP-135 (entre Santa Bárbara e Piracicaba). Outros R$ 15 milhões estão sendo investidos em obras na SP-306 (entre Capivari e Santa Bárbara). Em todo o Estado, SP realiza o maior programa de construção, recuperação e asfaltamento de estradas da história. Estão sendo investidos R$ 11,1 bilhões em mais de 10,2 mil km de 918 rodovias através dos programas Estrada Asfaltada e Novas Estradas Vicinais".